Criminosos alugavam os veículos e negociavam com um grupo específico de interessados

A Polícia Civil prendeu, na manhã desta quinta-feira (1), dois homens envolvidos em um esquema de venda de carros de locadoras obtidos em fraudes. A ação foi realizada em Santana, na zona norte de São Paulo.

A dupla foi flagrada por agentes do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) com três veículos locados e prontos para a comercialização. Os automóveis eram anunciados em aplicativos e entregues aos compradores em um estacionamento da região.

A operação aconteceu após investigações da 1ª Delegacia sobre Roubo e Furto de Veículos (Divecar). Os agentes descobriram que os criminosos alugavam os veículos por um determinado tempo e iniciavam as negociações durante o período de vigência da locação.

PUBLICIDADE



 

Segundo o delegado César Saad, da 1ª Divecar, os anúncios eram feitos em grupos específicos para adquirir esse tipo de carro. “Os preços variavam entre 10% do valor de mercado. Não ofereciam documentação falsa. Isso ficava por conta do comprador”, explicou.

Os três carros foram apreendidos. A dupla foi autuada por apropriação indébita, receptação e associação criminosa