Crime foi no apartamento onde casal morava no Jardim Caiuby. Segundo a PM, homem confessou crime e disse que tinha bebido

 

Mulher foi encontrada morta a facadas dentro do apartamento onde morava em Itaquaquecetuba (Foto: Polícia MIlitar/divulgação)

 

G1 – São Paulo Uma mulher de 26 anos foi assassinada pelo companheiro em Itaquaquecetuba na madrugada desta quinta-feira (8), Dia Internacional da Mulher, segundo a polícia. Natali Melo dos Santos levou pelo menos dez facadas na frente da filha deficiente visual, de acordo com a PM. Os dois haviam retomado o relacionamento há duas semanas.

O suspeito, Adriano Diogo das Chagas, de 27 anos tentou fugir, mas acabou preso depois de bater o carro na Estrada de Santa Isabel.

Segundo a Polícia Militar, o crime foi no apartamento onde o casal morava, no Jardim Caiuby. Os vizinhos chamaram a polícia.

PUBLICIDADE



Os policiais seguiram para o local e encontraram o suspeito na Estrada de Santa Isabel. Ele havia batido o carro na via e, segundo os policiais, estava bêbado. De acordo com a PM, o casal estava separado há sete meses antes da reconciliação.

Segundo as primeiras informações da Polícia Militar, o homem confessou que tinha ingerido bebidas alcoólica antes de esfaquear a mulher. Ele ainda tentou fugir no momento da abordagem, mas foi detido.

Quando a polícia chegou ao apartamento, a mulher foi encontrada já sem vida caída no chão da sala. Segundo a Polícia Militar, ela tinha marcas de, ao menos, dez facadas em várias partes do corpo.

O homem foi detido e encaminhado preso na Delegacia de Itaquaquecetuba. O caso será registrado nesta manhã no DP do Caiuby.

O G1 busca o contato do advogado do suspeito.

Suspeito tentou fugir com carro, mas foi detido pela Polícia Militar (Foto: Polícia Militar/divulgação)