Criança chegou sem vida à UBS. Segundo a polícia, pais confessaram ser usuários de droga e foram detidos, mas liberados após depoimento

R7
04/06/2020


SÃO PAULO — Um casal está sendo investigado após chegar com o filho, um bebê de três meses, já sem vida, a uma UBS (Unidade Básica de Saúde) da Zona Leste de São Paulo. De acordo com a polícia, os pais confessaram ser usuários de droga e chegaram a ser detidos. Mas após prestarem depoimento, os dois foram liberados.

A GCM (Guarda Civil Municipal) foi acionada para atender a ocorrência e, ao chegar ao local, notou que os pais estavam causando transtornos pela unidade. Pessoas que estavam na UBS relataram à GCM que a mulher estava muito agitada, gritando com o marido, culpando-o de ter se descuidado e provocado a morte do filho.

Segundo informações da GCM, a mãe do bebê afirmou que ela e o marido estavam usando drogas e, quando perceberam, o filho estava morto. A mãe teria dado de mamar para a criança e a colocado para dormir. Depois o casal também foi descansar. Quando a mãe acordou e foi ver como o filho estava, ele não tinha mais sinais de vida.

A delegacia responsável pelo caso é o 24º DP (Ponte Rasa).

Mais em Leste Online

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Notícias