Viaduto Alcântara Machado continua interditado após incêndio

Fogo em comunidade embaixo do viaduto na noite desta quinta (12) deixou cerca de cem desalojados na Zona Leste de SP

G1
13/09/2019 – 07:16


 

Viaduto Alcântara Machado - Leste Online
Trânsito após a interdição do Viaduto Alcântara Machado — Foto: Reprodução/TV Globo

 

SÃO PAULO — O Viaduto Alcântara Machado, na Mooca, na Zona Leste de São Paulo, continua totalmente interditado na manhã desta sexta-feira (13) após um incêndio atingir uma comunidade que ficava sob o local na noite desta quinta (12). Cerca de cem pessoas que moravam no local perderam suas casas. Ninguém se feriu.

O viaduto é continuação da Avenida Radial Leste, na altura da Avenida Piratininga. A Defesa Civil ainda não informou se há riscos na estrutura do viaduto e fará uma vistoria nesta manhã.

O incêndio começou por volta das 19h e o fogo foi extinto uma hora depois por uma equipe de 30 bombeiros.

O prefeito Bruno Covas (PSDB) disse que famílias já deveriam ter sido retiradas da comunidade construída debaixo do viaduto, mas não queriam ser removidas. A causa do incêndio está sendo investigada.

Apenas as pistas laterais da Avenida Radial Leste, nos sentidos bairro e centro, estavam liberadas por volta das 6h. A Rua Piratininga também estava bloqueada para o tráfego de veículos. Não há previsão de liberação.

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) recomenda que os motoristas evitem a região. Os motoristas que se deslocam para os locais mais distantes, podem utilizar como alternativa o rodoanel e o minianel viário. A Marginal Tietê e a Avenida do Estado são opções para os motoristas que saem da Vila Prudente e da Mooca. A Avenida Celso Garcia também é alternativa. Uma faixa reversível foi montada na via, no sentido Centro, no período da manhã.