Chuva provoca desabamento de casas em Ermelino Matarazzo

Desabamento Ermelino - Leste Online
Casas desabam em Ermelino Matarazzo, na zona leste de SP - Imagem: Reprodução

Desmoronamento ocorreu na noite desta 2ª feira (25) e atingiu residências construídas às margens de córrego. Não há feridos

R7


SÃO PAULO — As fortes chuvas que atingiram São Paulo na noite desta segunda-feira (25) provocaram o desabamento de residências na rua Fernão Mendes Pinto, altura do número 160, no bairro de Ermelino Matarazzo, na Zona Leste da cidade. Embora houvesse a presença de moradores nos imóveis no momento do temporal, ninguém ficou ferido.

O Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar foram acionados para atender a ocorrência e garantir a segurança dos moradores. As casas foram construídas, em terrenos irregulares, às margens de um córrego. Segundo um morador, o solo cedeu, acarretando no desabamento de parte das residências.

Balanço dos Bombeiros

O Corpo de Bombeiros contabilizou, entre às 18h e 20h45 desta segunda-feira (25), 54 chamados para quedas de árvores, nove para enchentes e três para desabamentos, em São Paulo e na região metropolitana.

Às 23h, o CGE-SP (Centro de Gerenciamento de Emergências da Prefeitura de São Paulo) mantinha todas as regiões da capital paulista em estado de atenção e informava a permanência de 12 pontos de alagamento nas vias da cidade (oito transitávis e outors quatro intansitáveis).

O risco de transbordamento do córrego Saracura deixou a região da Sé, no centro de São Paulo, em estado de alerta entre 21h12 e 21h40 desta segunda-feira (25), de acordo com o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências) da Prefeitura.

Às 22h, havia 12 pontos de congestionamento ativos na cidade, sendo oito intransitáveis. Entre os intransitáveis, na região da subprefeitura da Sé estavam o Parque do Anhangabaú, na República, sentido aeroporto, na altura da avenida 23 de Maio, e dois trechos da rua Manoel Dutra, na altura da praça 14 Bis.

pt_BRPortuguese